Após algumas reuniões com clientes, notei que muitos tinham a mesma dúvida: como devo cadastrar os produtos no E-commerce? No caso não são dúvidas de como fazer esse cadastro no administrador da loja, mas sim dúvidas sobre o que colocar na página de produtos e o que é mais relevante para que seus clientes possam encontrá-los no buscadores.

O maior problema no cadastro de produtos que observo na maioria das Lojas Virtuais, é o conteúdo e descrição dos produtos. Muitos produtos são cadastrados somente com os dados fornecidos pelo fabricante, em um ato simples de copiar e colar, o que não gera um conteúdo exclusivo para o usuário. Considerando que alguns produtos como computadores, eletrônicos e celulares são comercializados por diversas empresas, encontramos na internet várias lojas virtuais com o mesmo conteúdo, o que o Google chama de conteúdo duplicado, prejudicando o posicionamento das páginas dos produtos nos resultados de busca. Antes de começar a otimizar a página de produtos do seu E-commerce, lembre-se que sua loja é seu vendedor 24h por dia e que o cliente visitando seu site pode não ter um atendente para responder suas dúvidas as 24h do dia, por isso o cadastro de produtos deve ser o mais explicativo possível, tentando responder a maioria das perguntas que os clientes possam fazer sobre os produtos comercializados.

 

Pensando nisso, colocamos 6 dicas para otimizar a página de produto no seu e-commerce.

 

1. Nome do Produto

A grande dica para nome de produtos é fazer uma pesquisa e identificar as palavras que os consumidores utilizam para encontrar o produto e usá-las como título do seu produto. Ferramentas como o Google Trends e também o seu Google Analytics podem ajudá-lo a identificar as palavras mais buscadas e seus sinônimos. O nome do produto deve trazer informações relevantes para os usuários como cores, capacidade, etc, quando for o caso. Por exemplo: Conjunto de Panelas Tramontina + Faqueiro + Utensílios, Smartphone Motorola Moto G DTV Colors Dual Chip Desbloqueado Android 4.4 Tela 5″ 16GB 3G Wi-Fi Câmera de 8MP Azul.

Como o nome do produto, na maioria dos casos, é o título da página, este nome que irá aparecer nos resultados de pesquisa do Google. Sempre que possível tenha a principal palavra chave do produto no início do seu nome, os buscadores dão mais importância para as palavras que ficam mais próximas do início no título e na URL.

2. Reforce a palavra-chave, com parcimônia

Mantenha o foco no produto principal da página, repetindo a palavra-chave, mas sem “forçar a barra”. Exageros podem ser punidos pelo Google, além disso, a repetição demasiada de uma palavra pode tornar o conteúdo cansativo para quem o lê, causando prejuízo na hora da conversão.

3. Use sinônimos

Procure saber se o produto anunciado não é conhecido por outros nomes, por exemplo, “chave de aperto” também é conhecida como “chave de boca”. O AdWords também possui uma ferramenta que mostra as palavras mais buscadas e seus sinônimos, explore o AdWords.

Considere regionalizações, por exemplo, o serviço de “tapeçaria e estofaria de veículos”, como encontramos no Rio Grande do Sul, é conhecido como “capotaria”, no Rio de Janeiro.

4. Use destaques

Negritar, sublinhar, colocar em itálico, aumenta a força de uma palavra perante o Google. Como sempre, procure não abusar ou utilizar mais de um destaque na mesma palavra, procure também seguir um padrão na hora de grifar suas palavras.

5. Faça conteúdo original

A melhor coisa que você pode fazer para otimizar cada página de produto é criar uma descrição única, utilizando o material fornecido pelos fabricantes apenas para complementar esta descrição

Como disse no início deste artigo, se o seu conteúdo estiver presente em outro site, o Google considera isto como “conteúdo duplicado”, quanto mais sites tiverem o mesmo conteúdo, menos relevante e mais dividido o ranking da sua página. Isso é muito comum com as, inevitáveis, descrições técnicas, por isso é importante que elas sejam um complemento de um conteúdo elaborado por você, sempre que possível.

Mas como produzir um conteúdo personalizado para sua loja sem fazer cópia?

Responda as dúvidas dos clientes: uma boa técnica para produzir conteúdo original é pesquisar por dúvidas que o cliente pode ter sobre determinado produto e responde-las em sua loja virtual. Você pode buscar por um produto no Mercado Livre, por exemplo, no final da página de exibição de produto você terá a seção “Perguntas ao Vendedor”. A dúvida de um cliente pode ser o ponto de partida para você incrementar sua descrição. Você também pode expandir suas pesquisas para blogs e fóruns. Facebook, Google+ e outras redes sociais também podem ser um bom canal para coletar informações, é preciso pesquisar, se você entende seu publico tudo fica muito mais fácil.

Use a experiência dos vendedores da loja física: os vendedores estão em contato direto com o cliente e sabem quais são as principais dúvidas dos clientes sobre os produtos com os quais trabalham.

 

6. Resultados Positivos com expressões específicas

Palavras-chaves podem ser específicas ou genéricas, por exemplo, podemos dizer que “celular” é uma palavra-chave genérica e “celular com android” específica.
Quanto mais específica for sua palavra-chave, maior a chance de você ser encontrado nas primeiras posições, já que com palavras mais específicas você terá menos concorrentes.

Tenho muitos produtos no meu e-commerce, como devo começar a otimizar?

Se você tem milhares de produtos no seu e-commerce, não desanime, faça um levantamento e veja quais os produtos principais, inicie por eles e crie metas mensais de otimização de produtos, criando conteúdos únicos para cada produto comercializado em sua loja virtual. É interessante contratar uma consultoria para ajudar a desenvolver este trabalho e criar uma estratégia de como otimizar e o que otimizar, definindo as metas e mensurando os resultados. Para uma otimização completa da página de produto, existem outras coisas que podem ser feitas, listei aqui as que considero importantes e que podem fazer uma grande diferença nas suas vendas, mas este trabalho não é rápido e o resultado será visto em médio e longo prazo, mas acredite, compensa $$$!

E aí Gostou? Então compartilhe sua opinião sobre o assunto e deixe seu comentário. Um grande Abraço e até a próxima!

 

Acompanhe-nos no Facebook